home Blogs Marcio José Cristiano de Arruda
Voltar
28/11/13
Os diferenciais de um hospital de excelência
Excelência é a característica daquilo que é excelente e que possui grau máximo de qualidade ou perfeição. Geralmente, os hospitais que adotam essa designação são reconhecidos por determinada especialidade ou possuem uma certificação, seja pela ONA (Organização Nacional de Saúde) ou pela JCI (Joint Commission International). A acreditação não é fator obrigatório para o nível de excelência, mas é bastante respeitável por demonstrar que a instituição hospitalar avaliou como poderia se aperfeiçoar, melhorou seu trabalho e foi prestigiada por isso.

Além do reconhecimento das acreditações, outros fatores também devem ser levados em consideração. No Hospital Paulistano, por exemplo, valorizamos três pilares: equipamentos de última geração, equipe qualificada e hotelaria adequada. Para manter estes conceitos é preciso fazer um investimento anual nos melhores aparelhos disponíveis no mercado – capazes de oferecer tratamentos com resultados mais eficazes, disponibilizar profissionais bem preparados – para um tratamento mais humanizado, e apresentar instalações impecáveis – fator fundamental no momento em que o paciente decide onde irá se tratar. Aqui, disponibilizamos a Ala Vip para os clientes que preferem contar com conforto e facilidades durante a estadia. Esta é uma tendência que visa amenizar a internação por meio de um tratamento diferenciado. 

Em julho de 2010, nós recebemos a primeira acreditação. Agora, no último mês de outubro, agosto fomos reacreditados. Mas o processo de busca pelo reconhecimento se iniciou em 2008, após estabelecermos parceria com a CBA (Consórcio Brasileiro de Acreditação), organismo que representa a JCI, no Brasil. Criamos nosso núcleo de qualidade, editamos nossos documentos e, paralelamente, treinamos os colaboradores. Essa parceria com o Consórcio oferece suporte, bem como auxilia com consultores e simulados para avaliar o grau de conformidade da instituição hospitalar. 

É importante ressaltar que mesmo após a certificação, não se pode cair na zona de conforto. É preciso dar continuidade nas adequações e então buscar a reacreditação. O envolvimento dos colaboradores para trabalhar em um processo amplamente padronizado, ainda mais seguro, que oferece mais qualidade e segurança aos pacientes, é crucial para esse aprimoramento contínuo. Disponibilizar programas de treinamento é uma alternativa para estimular os funcionários do hospital e também para verificar o que pode ser corrigido. A cada nova acreditação é preciso apresentar um novo cenário e propor melhorias constantes.

No Paulistano, entre a primeira e a última certificação implantamos os protocolos gerenciados, que nos permitem identificar e tratar determinada doença mais precocemente. Quando se adota esse método, uma enfermeira passa a ser totalmente dedicada a isso. Ela acompanha indicadores do andar diariamente, levanta relatos dos colaboradores e elabora protocolos. Esta foi uma maneira que encontramos de buscar excelência no tratamento das enfermidades.

Vale ressaltar que os selos de qualidade são um diferencial. Acredito que com o passar do tempo se tornará uma commodity, mas por trás disso há um longo caminho para construir e aprimorar os processos internos. Os hospitais precisam montar núcleos de qualidade com um grupo treinado e voltado especificamente para isso. A rotina de uma instituição hospitalar exige muito tempo e dedicação e, por isso, o funcionário deve se dedicar exclusivamente ao departamento que é responsável.  É extremamente gratificante gerir e fazer parte de um hospital de excelência, capaz de oferecer atendimentos únicos e de ampla qualidade.
Marcio José Cristiano de Arruda
Marcio José Cristiano de Arruda
Marcio José Cristiano de Arruda é médico e diretor técnico do Hospital Paulistano. Formado em medicina pela Faculdade de Medicina de Sorocaba (PUC-SP), possui doutorado em clínica cirúrgica pela FMUSP e MBA em economia e gestão de saúde pela Unifesp.

PUBLICIDADE

Blogs

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.