home notícias Carreira
Voltar Voltar
14/02/12
Um quarto das pessoas sofre de tédio crônico no trabalho
Estresse chega a ser capaz de afetar a produtividade dos funcionários, podendo levá-los a hábitos pouco saudáveis
Da redação

Uma em cada quatro pessoas sofre de tédio crônico no trabalho. Esse é o resultado é de um estudo feito pela psicóloga Sandi Mann, da University of Central Lancashire, no Reino Unido. Para o levantamento, 102 trabalhadores foram entrevistados. Segundo a pesquisa, o estresse chega a ser capaz de afetar a produtividade dos funcionários, podendo levá-los a hábitos pouco saudáveis. Para a professora responsável pelo estudo, uma das principais causas de tédio no emprego é a falta de desafios. As informações são do Valor Econômico.

 

Dos trabalhadores ouvidos, 80% concordaram que o tédio causa perda de concentração no trabalho. Para 50%, o aborrecimento os leva a cometer erros. Além do mais, metade dos entrevistados acredita que o tédio no escritório é o motivo de muita gente para deixar o emprego atual.

 

Diante da mesmice no ambiente de trabalho, muito adotam estratégias para fugir do estresse. Entre elas: comer chocolate e tomar café, além de se render ao “happy hour” depois do expediente. Além disso, beber álcool ao fim de um dia entediante de trabalho é apontado por muitos trabalhadores como algo que aumenta a disposição.  “Para reduzir as fontes de aborrecimento é preciso criar programas que enriqueçam a carreira, como ‘job rotation’,  capacitação para funções variadas e delegação de responsabilidades”, resume  a psicóloga Sandi Mann.



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.