home notícias Gestão
Voltar Voltar
08/04/16
Marcelo Castro: estou comprometido com o ministério da Saúde
Questionado se permanece no cargo após o rompimento do PMDB com o governo, ministro respondeu que é a presidente quem tem a prerrogativa de nomear e exonerar ministros
Paula Laboissière, da Agência Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, disse nesta quarta-feira (06) que tem grande respeito pelo vice-presidente, Michel Temer, e pelo PMDB, mas está comprometido com o trabalho à frente do ministério da Saúde. A saída do governo foi determinada pelo diretório nacional do partido na semana passada.

“Tenho uma vida inteira no meu partido, o PMDB. Estou exercendo meu oitavo mandato, todos pelo PMDB. Tenho um grande respeito pelo presidente (licenciado) do nosso partido, Michel Temer. Mas, neste momento, nós estamos comprometidos com esse trabalho que estamos fazendo à frente do Ministério da Saúde”, disse Castro.

Questionado se permanece no cargo, mesmo após a oficialização do rompimento do PMDB com o governo, Castro respondeu que é a presidente Dilma Roussef quem tem a prerrogativa de nomear e exonerar ministros e que a situação depende do entendimento dela e do diálogo com os partidos.

“Este momento difícil que o país está vivendo, de epidemia de dengue, chikungunya, Zika, microcefalia e [síndrome de] Guillain-Barré é a hora mais necessária de continuarmos nosso trabalho. É esse o entendimento que eu tenho”, concluiu.



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.