home notícias Gestão
Voltar Voltar
17/02/14
Ministério da Saúde investe R$ 5,4 bilhões em estrutura para a Copa
valor inclui gastos com aquisição de equipamentos, construção e reforma da área física em unidades de saúde das cidades que vão receber os jogos
Da redação

São Paulo -- Nos últimos três anos, o Ministério da Saúde investiu cerca de R$ 5,4 bilhões em estruturas de "retaguarda" nas 12 cidades-sedes para a Copa do Mundo. O valor inclui gastos com aquisição de equipamentos, construção e reforma da área física em unidades de saúde das cidades que vão receber os jogos. As informações são do Valor Econômico.

O documento do ministério informa que não houve recursos do governo federal específicos para a Copa. Entretanto, houve uma reorganização dos investimentos já previstos priorizando as cidades-sedes no cronograma de implementação. 

Em coletiva de imprensa realiza na manhã de sábado (15) -- primeiro evento em São Paulo desde que assumiu o cargo como ministro, em janeiro --, Arthur Chioro afirmou diversas vezes que o montante não se trata de um investimento direto do governo federal na Copa, mas em um valor para melhorias do sistema de saúde nas cidades que vão receber os jogos. O evento contou com a participação de representantes da Fifa e Luis Fernando Correia, coordenador médico geral do comitê organizador local.

Ele citou investimentos em 67 hospitais, 3.151 leitos clínicos e 1.701 leitos de UTI, mas não entrou em detalhes em relação à distribuição da verba nas cidades contempladas. 

Chioro também afirmou que a melhoria na infraestrutura da rede pública de saúde será um legado da Copa para o país. No entanto, o ministro não entrou em detalhes se o montante já era o valor previsto para o investimemto quando o plano foi definido ou se os gastos ficaram acima do inicialmente projetado.

O esquema de saúde para a Copa do Mundo começou a ser preparado pelo Ministério da Saúde em 2011. Cerca de 10 mil profissionais foram capacitados durante este período para trabalhar no evento.

"Motolancias" -- Na coletiva, Chioro informou também esquema de socorro médico no mundial contará com ambulâncias de motos, ou "motolancias". O ministro da Saúde se referiu ao socorro feito por motociclistas quando respondia uma pergunta relacionada ao sistema de resgate em manifestações. 

O sistema de socorro é integrado entre os governos municipal, estadual e federal. O ministro avisou que o Samu definirá o tempo de resposta para o socorro, como já o faz normalmente. Mas que, caso necessário, o plano de resgate inclui socorristas em moto, barco e resgate aéreo.

Na coordenação do esquema, o grau de integração entre as esferas públicas envolve as áreas de trânsito e defesa civil, e contempla cenários com grandes concentrações de pessoas -- sejam carnaval, protesto de rua, desastres ou situações que precisem de socorro em shopping, aeroportos ou estações viárias.

Segundo o ministro, a preparação que o comitê organizador local faz implica em todos os riscos que podem acontecer.



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.