home notícias Gestão
Voltar Voltar
06/06/12
Nordeste vai receber R$ 364 milhões para UPAs e UBS
Em todo o país serão investidos R$ 880 milhões para construção de ampliação de unidades dos dois serviços
Da redação*

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (6) a seleção de projetos para construção e ampliação de unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e de unidades básicas de saúde em todo o país. Do total de R$ 880 milhões que serão investidos, R$ 364 milhões vão ser destinados aos estados nordestinos.



Os investimentos previstos para todo o país devem beneficiar 29,6 milhões de pessoas que vivem em 2.265 municípios de 21 estados. Serão repassados recursos federais do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) para a construção de 136 UPAs. O dinheiro também será destinado à ampliação de 56 UPAs e de 5.459 unidades básicas de saúde.



Entre os estados do Nordeste que vão receber mais verbas para ampliação e construção de Unidades de Pronto-Atendimento estão Ceará, Bahia e Pernambuco, respectivamente, os três maiores estados da região.

 

As UPAs oferecem atendimento de média complexidade (vítimas de acidentes e problemas cardíacos, por exemplo). Dados do ministério indicam que, nas unidades em pleno atendimento, é possível atender, sem necessidade de encaminhamento ao pronto-socorro hospitalar, 97% dos pacientes que procuram assistência médica.

 __________________________________________________________________________________________________________

Recursos e Unidades Ampliadas/Construídas por Estado - Unidades de Pronto Atendimento (UPAs)

Estado

      Recursos (R$)

     Ampliação

    Construção

Ceará

      25,4 milhões

       2

        14

Bahia

      23 milhões

       2

        12

Pernambuco

      17,2 milhões

       2

        9

Piauí

      10,4 milhões

       2

        2

Maranhão

       9,6 milhões

       -

        6

Alagoas

       6,8 milhões

       2

        2

Sergipe

       6,8 milhões

       2

        2

Paraíba

       6,2 milhões

       -

        4

Rio Grande do Norte

       4,2 milhões

       2

        1

__________________________________________________________________________________________________________

Maranhão, Bahia e Pernambuco foram os estados escolhidos para receber o maior aporte de investimentos na ampliação de Unidades Básicas de Saúde. Do total de 5,4 mil UBS que serão reformadas em todo o país, 1,4 mil estão nesses três estados nordestinos.



As unidades básicas são locais onde o cidadão pode receber, gratuitamente, atendimentos essenciais na área de saúde da criança, da mulher, do adulto e do idoso e em odontologia, além de dispor de medicamentos e outros atendimentos considerados essenciais.



Segundo o ministério, o objetivo é aumentar o acesso aos serviços de saúde com qualidade, desafogar os atendimentos nas urgências e emergências e ampliar a assistência especializada.

__________________________________________________________________________________________________________
Recursos e Unidades Ampliadas por Estado - Unidades Básicas de Saúde (UBS)

Estado

    Recursos (R$)

    Ampliação

Maranhão

    58,7 milhões

    524

Bahia

    56,8 milhões

    587

Pernambuco

    32,7 milhões

    327

Ceará

    31,9 milhões

    317

Piauí

    29,4 milhões

    288

Paraíba

    15,3 milhões

    153

Rio Grande do Norte

    12,1 milhões

    122

Alagoas

    11,4 milhões

    113

Sergipe

    6,1 milhões

    64

__________________________________________________________________________________________________________

* Com informações da Agência Brasil e do Ministério da Saúde.



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.