home notícias Gestão
Voltar Voltar
25/04/14
Rede D'Or pretende investir R$ 500 milhões neste ano
Grupo, que possui unidades no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e Recife, voltou a analisar aquisições de preferência em praças onde não atua
Da redação

A Rede D'Or, maior grupo hospitalar do país, planeja investir cerca de R$ 500 milhões em expansão orgânica este ano. Segundo informou Heráclito de Brito Gomes, presidente da Rede D'Or, em evento realizado pelo Bradesco BBI, o investimento representa quase 10% do faturamento de R$ 5,5 bilhões previsto para 2014. "No ano passado, a nossa receita foi de R$ 4,5 bilhões", disse. As informações são do Valor Econômico.

Uma das metas do grupo para os próximos quatro anos é aumentar o número de leitos para 6 ou 7 mil. Atualmente, em todo o país, a Rede D'Or conta 4 mil unidades de internação espalhadas em 26 hospitais. Do total de novos leitos, aproximadamente 2 mil deverão surgir de expansão orgânica e o restante através da ação de novas aquisições que voltaram ao radar da empresa.

O processo de aquisições havia sido interrompido em 2013, após a Rede D'Or comprar 17 hospitais entre 2007 e 2012. Segundo Heráclito, o Grupo, que possui unidades no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e Recife, voltou a analisar as aquisições de preferência em praças em que ainda não atua.

Nos dois últimos anos, as atividades de cerca de quatro pequenos hospitais voltados para a classe média emergente foram encerradas, porque a conta não fechava, explicou Heráclito. Segundo ele, o grupo vem trabalhando fortemente para aumentar o número de leitos por unidade hospitalar a fim torná-los mais rentáveis. No Brasil, os hospitais têm em média 70 leitos. Nos Estados Unidos, esse número é de 170. Na Rede D'Or, chega a 160 leitos e a meta alcançar 220.

A captação de recursos para investimentos é outra frente de trabalho. Atualmente, o capital é proveniente da geração de caixa e linhas de crédito tradicionais no mercado. A Rede D'Or analisa instrumentos financeiros imobiliários como, por exemplo, Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), para levantar fundos.

Atualmente, por conta de seus hospitais, a Rede é dona de um grande patrimônio imobiliário. Recentemente, o grupo vendeu para o fundo imobiliário canadense NorthWest quatro imóveis de hospitais e levantou R$ 725 milhões. 

A curto prazo não há planos de vender imóveis. "Mas estamos estudando outros instrumentos como o CRI. É uma maneira de levantar recursos com ativos que não são o nosso principal negócio", explicou Carlos Vasquez, diretor financeiro da Rede D'Or.



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.