home notícias Gestão
Voltar Voltar
30/08/17
Serviço de PET-CT da Quanta recebe acreditação internacional
A certificação é concedida pela Sociedade Europeia de Medicina Nuclear
Da redação

A Quanta Diagnóstico e Terapia, clínica localizada em Curitiba (PR), acaba de receber a acreditação da Sociedade Europeia de Medicina Nuclear – EARL FDG PET/CT Accreditation para o seu Serviço de PET-CT. O reconhecimento demonstra que o departamento da clínica atua de acordo com práticas internacionais de qualidade. “Esse é um programa reconhecido em todo o mundo, que realiza um processo de avaliação para certificar a qualidade do serviço. Receber uma acreditação como essa é importante para mostrar a credibilidade de nossos exames”, observa o médico nuclear Juliano Cerci, diretor do Serviço de PET-CT da clínica.

Para receber o certificado de acreditação da Sociedade Europeia de Medicina Nuclear, é necessário comprovar que os equipamentos de PET-CT têm administração precisa, com imagens de alta qualidade, padronização de análise de dados, entre outros procedimentos que garantem resultados confiáveis.

A Tomografia por Emissão de Pósitrons (PET) é um método de obtenção de imagens que utiliza a emissão de partículas do núcleo do átomo integrado com a tomografia computadorizada convencional (CT). O exame permite avaliar a extensão da doença e auxiliar na definição do melhor tratamento em diversos tipos de câncer. Recentemente, a Quanta Diagnóstico e Terapia adquiriu um segundo aparelho de PET-CT, o MI DR 128, o primeiro da América Latina e o 21º em utilização no mundo. “O equipamento é acoplado a uma máquina de tomografia tradicional com alta resolução e 128 canais, o que permite melhores avaliações diagnósticas, inclusive, de angiotomografia para pacientes com doença cardíaca”, conta o médico nuclear.
 

Atuação internacional


O Serviço de PET-CT da Quanta Diagnóstico e Terapia participa de um estudo mundial para avaliar pacientes com câncer de próstata, organizado pela Agência Internacional de Energia Atômica da ONU. A clínica é a única representante brasileira junto a outros 19 centros de diversos países e tem uma contribuição significativa na pesquisa. “Somos uma das poucas clínicas que já têm experiência em novas tecnologias de PET/CT. Nós, a Itália e a Índia devemos ser os países com maior recrutamento de pacientes, pois temos esse tipo de avaliação já bem estruturado, enquanto muitos países ainda estão instalando a tecnologia”, revela Juliano Cerci.



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.