home notícias Gestão
Voltar Voltar
08/05/15
Vitória de Cameron reforça política dos conservadores para Saúde
A Diagnóstico levantou os sete pontos-chave da política do novo governo britânico para o NHS
Filipe Sousa

A vitória do primeiro-ministro David Cameron e do Partido Conservador vai permitir que o próximo governo tenha mais autonomia na condução de sua política de saúde. Com maioria absoluta das cadeiras no Parlamento – Cameron vem comandando o país através de uma aliança com os Liberais para poder governar –,  o NHS deverá ganhar mais atenção nas reformas.

Veja as sete promessas para o novo governo britânico na área da saúde:

Orçamento
De acordo com as posições assumidas pelo Partido Conservador, o financiamento do sistema de saúde público (NHS) para os próximos 10 anos será sustentável. A legenda garante que vai manter a política econômica, assegurando a promessa de manter o aumento da despesa com Saúde. Em 2014, o governo liderado por Cameron gastou quase 13 bilhões de libras extra com o NHS.

Reforma do sistema de saúde. 
Para os partido Conservador,  o NHS não necessita de uma grande reforma, apenas precisa que o deixem evoluir. Para isso, defendem uma diminuição da intervenção política. Por isso mesmo, já retiraram os políticos dos lugares de liderança e gestão do NHS e substituiram por pessoal clínico e profissionais  de saúde

Cancer Drugs Fund.
Enquanto  David Cameron for primeiro-ministro, o compromisso de manter o fundo de auxílio a tratamento de câncer será uma realidade. Foram disponibilizados 1.16 bilhões de libras através do Cancer Drugs Fund que já ajudaram mais de 60 mil pacientes oncológicos que, de outra forma, não conseguiriam ter acesso a tratamento ou medicamentos. Em janeiro de 2015 foi anunciado um reforço de £60mi e também foi apresentado o Accelerated Access Review que permite acelerar os processos de acesso a tecnologia medicamentos inovadores.

Abolição ou reforma de encargos com prescrições médicas. 
De acordo com o Partido Conservador, até ao momento os valores cobrados pelas prescrições médicas e os preços dos medicamentos têm se mantido estáveis. Aproximadamente 90% dos itens prescritos são dispensados de forma grátis e o atual executivo congelou o custo com certificados pré-pagos, permitindo dessa forma cobrar valores menores a todos quanto necessitam de prescrições regulares.

Apoio à parceria com os EUA, a Transatlantic Trade and Investment Partnership (TTIP). 
Os vencedores das eleições consideram que o TTIP é um acordo de comércio livre que pode gerar 10 bilhões de libras anuais para a economia britânica. Isso garantirá maior segurança financeira, mais empregos e bens mais baratos.
O acordo inclui ressalvas que não vão trazer mudanças ao modelo pretendido pelo governo para os serviços do NHS. O sistema público não será afetado pelo TTIP. o TTIP não vai obrigar nem o Reino Unido nem os Estados Unidos a abrir os seus sistemas de saúde públicos aos privados. Quem providencia os serviços do NHS são os médicos do NHS através dos grupos locais, tal como definido numa das mais importantes reformas do atual governo.

Política para morte assistida. 
Esse é um tema incrivelmente emotivo, na opinião dos conservadores. Todos querem amenizar a morte dos pacientes terminais, mas não existe uma resposta simples. Qualquer mudança na lei sobre morte assistida é, por isso, uma questão de consciência individual. A decisão deve ser do parlamento, em votação de livre consciência. No entanto, o próximo governo pretende continuar reconhendo e apoiando os cuidados paliativos. O NHS precisa ser ajudado a providenciar um fim de vida digno e sem dor.

Apoio à Medical Innovation Bill (Saatchi Bill). 
A intenção da Saatchi Bill sempre foi promover o uso de medicamentos e tratamentos inovadores com os pacientes do NHS, protegendo os médicos de processos litigiosos. Existe um compromisso firme do partido liderado por David cameron de continuar promovendo o uso de medicamentos inovadores apoiados em dados e evidências que atestem sua segurança e eficácia. Por isso mesmo lançaram o Early Access Scheme e o Accelerated Access to Innovative Medicines and Medtech Review, e estão investindo fortemente na área genômica do NHS e em infraestrutura informação que conduza a prescrição inteligente. 



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.