home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
18/06/12
ABIMO e Apex lançam projeto de apoio à certificação
Empresas brasileiras têm dificuldades com exigências internacionais, diz Paula Portugal
Da redação

Com o objetivo de estimular e auxiliar a indústria brasileira, a Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos, Hospitalares e de Laboratório (ABIMO), em parceria com a Agência Brasileira de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), disponibilizam o Programa de Incentivo à Certificação, cujas inscrições terminam no dia 2 de julho. 


O objetivo principal do programa é auxiliar a indústria brasileira a conquistar a certificação da Food and Drug Administration (FDA), órgão regulador dos Estados Unidos. A chancela dará mais competitividade aos produtos brasileiros nos mercados internacionais. Os custos deste projeto serão viabilizados tanto por recursos do Brazilian Health Devices quanto por investimentos feitos pelas empresas. 


“A principal barreira para exportação, em um setor regulamentado como o de produtos para saúde, são as certificações. A grande preocupação do setor é que o FDA vem sendo solicitado, cada vez mais, em países fora do mercado norte-americano. Neste sentido, buscamos apoiar as empresas para obtenção e orientação das certificações internacionais, através de um programa de incentivo à certificação”, afirma Paula Portugal, gerente de projetos Internacionais da ABIMO. 


As indústrias interessadas em ampliar o número de certificações têm até o dia dois de julho para se inscrever no processo seletivo. Para poder participar deste programa, a empresa deverá cumprir alguns requisitos como: possuir outras certificações, (BPF – ANVISA, ISO 9001, ISO 13485, Marca CE), além, de ser participante do Projeto Brazilian Health Devices. Nesta primeira fase do projeto, as vagas serão destinadas a oito empresas.


Em 2011, as exportações do setor alcançaram US$ 707 milhões e os Estados Unidos foram os maiores compradores de equipamentos e materiais de consumo utilizados nos segmentos odontológicos, médico-hospitalares e laboratorial.  A  Argentina foi o segundo  maior comprador. 


Números do setor - Os recentes resultados apresentados pela indústria brasileira da saúde são muito significativos. O ritmo de crescimento das exportações tem sido superior ao da economia como um todo. Esse panorama torna o setor confiante para atingir U$1 bi em vendas de equipamentos brasileiros para a saúde até o final de 2014.    


O único segmento superavitário, no ano passado, foi o de odontologia, com saldo positivo de US$ 6,3 milhões. Apesar disso, a maioria dos segmentos aumentou suas exportações, numa variação entre 2% e 34%.



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.