home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
25/04/14
Acordos sinalizam nova era de fusões no setor farmacêutico
Série de operações aliadas às condições econômicas alimentaram expectativas de que mais fusões irão acontecer
Da redação

São Paulo - Uma série de acordos, onde empresas focam em suas especializações e abandonam operações com desempenho mais fraco, sinalizam uma nova era de aquisições no setor de laboratórios farmacêuticos que não é vista desde a última década. As informações são da agência Reuters.

Recentemente, o grupo farmacêutico britânico GlaxoSmithKline (GSK) e a suiça Norvatis concordaram em trocar mais de 20 bilhões de dólares em ativos, em uma série de operações que impulsionarão os negócios da Novartis em tratamento de câncer e os da Glaxo voltado a vacinas. Além disso, rumores de uma oferta de cerca de 100 bilhões de dólares da Pfizer pela AstraZeneca alimentaram as expectativas de que mais fusões acontecerão.

Investidores, analistas e executivos de bancos de investimento acreditam que aliam-se a estas atividades uma combinação de condições econômicas e acontecimentos específicos da indústria, como baixas taxas de juros, e o desejo das empresas norte-americanas de realizar aquisições no exterior para proteger lucros obtidos com impostos nos Estados Unidos

Segundo Richard Purkiss, analista da Atlantic Equitis, em Londres, os rumores sobre o possível acordo da Pfizer com a Astra revela que a indústria está indo em outra direção. "As companhias farmacêuticas com alto valor de mercado, em comparação com setores globais mais maduros, ainda são fragmentadas e então podem continuar a se concentrar".

Para Sam Isaly, sócio-gerente da OrbiMed Advisores, que administra 10 bilhões de dólares em ativos da área de saúde, em relação à negociação entre GKS e Novartis, as companhias conseguiram exatamente o que queriam, sem precisar fazer uma mega-fusão que iria consumir a indústria farmacêutica. "É interessante perceber que a Glaxo e a Novartis não realizaram uma fusão, mas venderam algo. Elas apenas juntaram os portfólios", disse. 

Isaly espera mais destes acordos. Outros analistas e investidores informaram que as empresas ainda podem realizar este tipo de acordo, para então cortar seus ativos nas áreas que desejarem focar estrategicamente.

Leia mais:
>> GSK vende divisão de oncologia a Novartis por US$ 16 bilhões



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.