home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
06/02/15
Anvisa avalia mudanças para agilizar pesquisas clínicas
Uma das medidas propostas pela entidade é a fixação de um prazo máximo para a análise do pedido do estudo
Estado de S. Paulo

Brasília ­ A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) irá avaliar, nesta quinta­-feira (05), mudanças para tornar mais ágil as regras que autorizam pesquisas clínicas no País. Uma das medidas propostas é a fixação de prazo máximo para a análise do pedido do estudo. Caso a solicitação não seja avaliada no tempo previsto, a aprovação seria automática. As informações são do Estado de S. Paulo.

As mudanças nas regras para pesquisa são reivindicadas por centros de estudo, universidades e laboratórios farmacêuticos há tempos e a tendência é que os diretores da agência aprovem a proposta. 

No ano passado, outra proposta de resolução tornando mais ágil o processo foi apresentada na Anvisa e colocada em consulta pública, por 60 dias. Críticos do formato atual afirmam que o processo de análise é lento e isso leva a uma diminuição do interesse de grandes farmacêuticas em realizar a pesquisa clínica no país. 

Geralmente, os estudos que antecedem a liberação de medicamentos são desenvolvidos em vários centros de pesquisa e de forma simultânea. Muitas vezes, as unidades escolhidas para participar dos trabalhos são beneficiadas com investimentos de infraestrutura das empresas interessadas em padronizar tanto o atendimento, o acompanhamento e análise das informações obtidas durante o processo.

As informações são do Estado de S. Paulo.



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.