home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
25/06/12
Farmacêuticas prometem reembolsar tratamento ineficaz
Europa adota sistema “Cure seu câncer ou receba seu dinheiro de volta”
Da redação

Um polêmico sistema de pagamento para pacientes em tratamento de câncer tem se tornado uma realidade cada vez maior na Europa. Conhecido como "Cure o seu câncer ou receba seu dinheiro de volta”, o sistema é baseado na resposta a remédios oncológicos. As informações são do jornal "Folha de S. Paulo".

A gigante farmacêutica Roche, por exemplo, oferece, desde o ano passado, a hospitais e seguradoras da Alemanha a garantia de devolução do dinheiro (entre R$ 8 mil e R$ 16,4 mil por paciente) se o tumor continuar evoluindo após o uso do Avastin, medicamento empregado contra o câncer de pulmão, entre outros. 

Na vizinha Itália, o acordo entre a Onyx, a Pfizer e o governo envolveu as drogas Nexavas (utilizada contra o câncer de rim e fígado) e Sutent (câncer de rim). Nos três primeiros meses de tratamento, o sistema de saúde italiano paga parcialmente os medicamentos. Depois disso, o reeembolso só é feito para os pacientes que apresentam um nível de resposta ao tratamento previamente acordado. 

França - Em 2007, a companhia Janssen Cilag fez um negócio semelhante com o Instituto Nacional de Saúde e Excelência Clínica, em Nice, para reembolso do custo do Velcade (para o tratamento do câncer ósseo) se os resultados do tratamento fossem fracos.

No entanto, dois anos depois, um estudo publicado no "British Medical Journal" mostrou que a doença havia progredido mais rapidamente em pacientes que tomaram a droga do que entre aqueles que não a utilizaram. 

Divisão de riscos -  A ideia de "dividir riscos" tem sido discutida nos Estados Unidos como forma de aliviar os altos custos dos medicamentos oncológicos. Em seu livro "O Preço da Saúde Global", Ed Schoonveld identifica sete tipos de negócio que poderiam ser feitos entre a indústria farmacêutica e os sistemas de saúde. Mas ele afirma que o problema desse tipo de acordo é o foco em resultados de curto prazo, o que é complicado quando se trata de câncer.

Para Arthur Caplan, do Centro de Bioética da Universidade da Pensilvânia, há questões ainda mais sérias. "Nos cuidados de saúde, o mais necessário são evidências sólidas e comprovadas em ensaios clínicos sobre o que funciona. Não precisamos de programas de desconto, garantia ou um vale. Isso é praticar a má medicina."



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.