home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
20/03/14
Gastos com materiais e medicamentos crescem 3 vezes mais que inflação
Segundo levantamento do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), crescimento dos gastos é o principal fator de aumento dos custos dos planos de saúde
Dea Barbosa, do P&P Saúde Suplementar

Levantamento realizado pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) e divulgado nesta quinta-feira (20), mostra que gastos com materiais e medicamentos são o principal fator para o aumento dos custos de planos de saúde. O levantamento foi feito a partir de base de dados de uma operadora de plano de saúde e mostra ainda custos maiores com internações, exames e consultas.

Segundo o estudo "A importância de Materiais e Medicamentos nos Gastos Médicos", estes gastos corresponderam a 57,7% das despesas hospitalares, em 2012, da autogestora. O estudo considerou a totalidade de beneficiários da empresa e, ainda que os números não possam ser vistos como uma média do mercado, revela-se como um forte indicativo do comportamento de expansão de custos dos prestadores de serviço de saúde, segundo o IESS.
 
De acordo com o estudo, apesar de o total de beneficiários da operadora analisada ter recuado 10,2% entre 2007 e 2012, a utilização de serviços de saúde cresceu 4,6% e o gasto assistencial total subiu de R$ 180,7 milhões para R$ 359,6 milhões. Um avanço nominal, sem considerar a inflação, de 99%. Em comparação com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), avançou 31,9% no mesmo período. “Os números indicam que o aumento do custo está relacionado tanto a maior utilização dos serviços, quanto ao encarecimento dos atendimentos, principalmente na Região Metropolitana de São Paulo”, disse Luiz Augusto Carneiro, superintendente-executivo do IESS.
 
Dos R$ 359,6 milhões gastos com assistência aos beneficiários em 2012, a maior parte se destina aos gastos hospitalares: em 2007, foram R$ 140,9 milhões para essa função; em 2012, o montante avançou para R$ 241,2 milhões, um incremento real de 71,2%. Entre os gastos hospitalares, materiais e medicamentos são os principais responsáveis por esse aumento. Enquanto os valores destinados aos medicamentos subiram 59,9% no período analisado, saltando de R$ 28,7 milhões para R$ 46 milhões, os gastos com materiais avançaram 120,4%, de R$ 42,2 milhões para R$ 93,1 milhões. Carneiro destaca que boa parte da elevação também está relacionada à incorporação de novas tecnologias. “Presenciamos a adoção indiscriminada de novas tecnologias, sem necessariamente haver necessidade, demonstrações de eficácia, segurança ou qualidade”, pondera.
 
O estudo aponta, ainda, que, entre 2007 e 2012, a utilização de procedimentos ambulatoriais, tanto clínicos quanto cirúrgicos, cresceu 29%. Ao mesmo tempo, foram realizados 74,5% mais exames e 21% mais consultas, alcançando o total de 25,3 exames por beneficiário ou 4,1 exames por consulta médica em 2012. Em 2007, o número de exames por consulta era de 2,9.
 
A perspectiva é que nos próximos anos, com o envelhecimento populacional e a contínua incorporação de novas tecnologias, os custos associados a materiais, medicamentos, internações e à assistência à saúde, de forma geral, continuem a avançar significativamente. “É preciso reavaliar o modelo adotado, sob o risco de comprometimento da sustentabilidade do setor de saúde suplementar”, resume o superintendente.
 
O IESS é uma entidade sem fins lucrativos com o objetivo de promover e realizar estudos sobre saúde suplementar baseados em aspectos conceituais e técnicos que colaboram para a implementação de políticas e para a introdução de melhores práticas de sustentabilidade para o setor. (Fonte: IESS) 



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.