home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
26/08/14
Santa Casa de São Paulo faz empréstimo de R$ 10 milhões
Valor servirá para manter o pronto-socorro da unidade aberto até o dia 29 de setembro. Atualmente, entidade acumula uma dívida de aproximadamente R$ 400 mi
Da redação

São Paulo - A Santa Casa de Misericórdia de São Paulo fez um novo empréstimo, no valor de R$ 10 milhões, para manter o pronto-socorro da unidade aberto pelo menos até o dia 29 de setembro. A data marca o término da auditoria nas contas da entidade por uma comissão técnica formada por representantes dos governos federal, estadual e municipal. As informações são do Estado de S. Paulo. 

De acordo com Antônio Carlos Forte, superintendente da instituição, o empréstimo foi a forma encontrada para manter o serviço, enquanto não se encontra uma solução definitiva para os problemas financeiros da entidade. Entre 22 e 23 de julho, o pronto-socorro ficou fechado por 30 horas devido à falta de recursos para a compra de materiais e só foi reaberto após um repasse emergencial de R$ 3 milhões da Secretaria Estadual da Saúde. A pasta informou que o valor seria suficiente para 30 dias e condicionou a liberação de mais verba à realização de uma auditoria na entidade.

Ainda segundo Forte, o dinheiro não dava para 30 dias e, logo em seguida ao fechamento do PS, a Santa Casa conseguiu esse novo empréstimo. Antes disso, ele afirma que nenhum banco queria fazer novos empréstimos porque havia o medo de calote. "Depois que fechamos e as três esferas de governo se envolveram, a expectativa passou a ser de uma solução para o problema, por isso o empréstimo foi aceito", conta.

Atualmente, a Santa Casa acumula uma dívida de aproximadamente R$ 400 milhões, dos quais R$ 50 milhões são com fornecedores. Conforme Forte, o déficit se deve ao subfinanciamento do Sistema Único de Saúde (SUS). Mesmo com os repasses extras em relação à tabela SUS, ele afirma que a Santa Casa ainda gasta R$ 4 milhões a mais por mês do que recebe.

O superintendente conta que a instituição pegou esse novo empréstimo com a esperança de que, ao fim da auditoria, a situação tenha uma solução. "Eles vão ver que não há problema de gestão e, com isso, espero que corrijam os valores", diz. Para Forte, a primeira reunião entre a Santa Casa e a comissão técnica que audita as contas da instituição foi realizada há uma semana.

A Santa Casa também solicitou à Secretaria da Saúde que antecipasse para o quinto dia útil de setembro um repasse de R$ 12,6 milhões feito geralmente no fim do mês, mudança revelada ontem pelo Estado. "Antigamente, ele já era feito no início do mês. Pedimos para que a regra voltasse", conta.

Verba Federal - Para tentar reduzir o déficit das instituições, na última quarta-feira (20), a Confederação das Santas Casas de Misericórdia pediu ao ministro da Saúde, Arthur Chioro, novas providências. Durante a abertura do Congresso das Santas Casas, um levantamento que aponta um déficit de até 41% em internações de média complexidade e 42% em internações de UTI foi entregue ao ministro.

A entidade reivindica soluções emergenciais, como a criação de incentivo de custeio de procedimentos de alta complexidade e a ampliação de um programa para ajudar a saldar dívidas contraídas com o sistema financeiro. Arthur Chioro disse que o governo já atendeu parte das demandas em 2013, com o Prosus e o reajuste do formato dos contratos. Ele avalia que o setor deve melhorar a gestão e apoiou um debate na forma de remuneração de procedimentos.



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.