home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
10/07/12
Satisfação dos moradores do Recife com hospitais e consultórios chega a 70%
Instalações físicas e atendimento dos funcionários receberam melhores índices
Emídia Felipe, do Recife

Usuários de hospitais e consultórios médicos do Recife estão, em geral, satisfeitos com os serviços. Os maiores índices são relativos ao atendimento dos funcionários e às instalações físicas. Os resultados fazem parte da pesquisa "Percepção do recifense sobre os serviços de saúde suplementar", do Instituto Maurício de Nassau. 

De acordo com a pesquisa, o maior índice de satisfação entre os hospitais é em relação às instalações físicas, com 67,4% das respostas positivas. O item também recebeu "Muito satisfeito" de 10,5% dos entrevistados. Em seguida, as melhores avaliações são para o atendimento dos funcionários, com 60,9% de classificações "Satisfeito" e 9,5% de "Muito satisfeito".

Comportamento semelhante teve a avaliação sobre consultórios médicos, em que as instalações físicas receberam a maior quantidade de aprovação, 80,3% "Satisfeito" ou "Muito satisfeito"; seguido do atendimento dos funcionários, onde esse índice foi de 79,1%. 

Em ambas as categorias, a satisfação com o serviço prestado ficou em índices próximos a 70%.

Por outro lado, a demora no atendimento está sendo sentida pela população do Recife. Embora não superem as respostas positivas, as avaliações negativas do quesito tempo de atendimento registraram patamares significativos. Nos hospitais, as avaliações "Insatisfeito" e "Muito insatisfeito" somaram 34,3%. Nos consultórios, essas classificações corresponderam a 33,8%. Além disso, quando indagados sobre o que sugeririam para melhorar os serviço, 16,9% dos entrevistados sugeriram que a marcação de consulta deveria ser mais rápida. Esse foi o item com maior número de respostas. 

Expansão – Outra abordagem da pesquisa foi em relação ao perfil do cliente. Os dados mostram que 27,6% têm plano de saúde, quase oito pontos percentuais acima do registrado pelo instituto em maio de 2011. Além disso, 21,8% declararam ter intenção de fazer um plano nos próximos três meses. Dentre os que têm plano, 53,5% são contratos individuais e 46,5% empresariais. 

No perfil socioeconômico, a presença de clientes de plano de saúde é mais forte nas classes A (90%) e B (56,4%). Nas classes C e D os percentuais são de 18,8% e 7,5%, respectivamente. A pesquisa revelou ainda o desconhecimento dos usuários sobre a Agência Nacional de Saúde, uma vez que 65,5% dos entrevistados não sabem o que significa a sigla ANS. 

O levantamento, que entrevistou 624 pessoas no início do mês passado, foi divulgado nesta terça-feira (10) no Jornal do Commercio. Veja aqui a pesquisa completa. 



PUBLICIDADE

Mais lidas


    Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 309

    Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/diagnosticoweb/www/noticia-interna.php on line 322

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.