home notícias Mercado e Negócios
Voltar Voltar
02/06/15
Startups de saúde digital estão sobrevalorizadas, segundo investidores americanos
O investimento em saúde digital, no entanto, deverá continuar a aumentar. 2014 movimentou o triplo do capital que os três anos anteriores.
Filipe Sousa

O fundo de investimento em saúde digital americano Rock Health sugere cautela para quem pretende investir em  startups de mHealth. A organização reuniu, no mês de maio, vários investidores especializados em tecnologias para saúde e colocou uma questão direta: “As empresas privadas de saúde digital estão sobrevalorizadas atualmente?". 62% dos presentes disseram que sim, os restantes discordaram. 

Mas isso não significa que o investimento vá sofrer uma diminuição. Analisando o ano de 2014, o investimento no setor cresceu rapidamente e o financiamento da saúde digital excedeu os 4 bilhões de dólares o que, de acordo com os números divulgados no site do Rock Health, representa mais que o triplo da soma dos três anos anteriores. 

Apesar dos sinais fazerem prever um abrandamento do crescimento em 2015, os valores investidos continuam aumentando. No caso concreto da saúde digital, estamos falando de valores pequenos, quando comparados com as grandes empresas de investimento em tecnologia e os 48 bilhões de 2014. Mas ainda assim, trata-se de um mercado bilionário e crescente.

Uma das razões para o “recuo” dos investidores se baseia no  potencial gerador de retorno das startups de saúde digital, que pode não se confirmar.  Um exemplo são as plataformas de Wellness, que vem perdendo o  apelo, tanto pela demora em obter retorno do investimento, como  em atingir os efeitos pretendidos. 



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.