home notícias Tecnologias
Voltar Voltar
25/02/15
Equipamentos proporcionam ar comprimido livre de contaminação em unidade hospitalar
A Santa Casa de São Joaquim da Barra apostou em novos sistemas para a produção de gases e ar comprimido
Da Redação

A Santa Casa de São Joaquim da Barra, no interior de São Paulo, realizou recentemente investimentos em novos sistemas para a produção de gases e ar comprimido. Compressores, secador e uma unidade MED foram as soluções implantadas na instituição para aperfeiçoar as tecnologias de ar comprimido e oxigênio medicinal, como explica João Alberto Destro, administrador geral do hospital. “Pesquisamos as novas tecnologias disponíveis no mercado e descobrimos que a Atlas Copco tem desenvolvido soluções bastante confiáveis, que garantem a qualidade necessária do ar ao mesmo tempo em que simplificam a operação e reduzem o consumo de energia.”

Nos serviços hospitalares, são necessários gases medicinais para o tratamento de pacientes na UTI, no centro cirúrgico e nos leitos para nebulização, além dos três pontos que demandam ar comprimido em cada leito hospitalar, que são usados principalmente em terapias de ventilação e inalação, bem como ferramentas pneumáticas para operações diversas. 

A aquisição do complexo de sistema da Atlas Copco pela Santa Casa de São João da Barra garantiu o risco zero de contaminação nos equipamentos do hospital (ventiladores, por exemplo), maior intervalo entre as manutenções e maior disponibilidade do compressor.



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.