home notícias Tecnologias
Voltar Voltar
29/06/15
Google cria pulseira médica para monitorar pacientes
Para Andy Conrad, um dos responsáveis pela equipe do Google X, tecnologia deverá desbloquear uma nova classe de informações médicas
Da redação

São Paulo - O Google está desenvolvendo a sua própria versão para uma pulseira inteligente. O acessório irá medir sinais vitais do usuário, como frequência cardíaca e temperatura da pele, além de monitorar informações externas, como grau de exposição ao sol. Com informações da Bloomberg.

A pulseira está sendo criada pelo Google X, o laboratório de inovação da empresa responsável por outros projetos, como o Google Glass. No entanto, o dispositivo não será vendido para os consumidores em geral. O Google informou que pretende fazer com que o aparelho seja utilizado apenas em testes clínicos receitados por médicos aos seus pacientes.

A ideia é que, através de sensores na pulseira, o dispositivo consiga recolher dados dos pacientes envolvidos em testes a medicamentos. Os dados recolhidos pela pulseira poderão ser enviados de imediato para os médicos, sem que o paciente precise se apresentar regularmente para exames.

De acordo com Andy Conrad, um dos responsáveis pela equipa do Google X, a esperança é que a tecnologia possa desbloquear uma nova classe de informações médicas contínuas para tornar mais fácil a compreensão e o monitoramento da saúde dos pacientes".

O bracelete inteligente será disponibilizada juntamente com um software que torna a leitura dos dados mais fácil e que servirá para ajudar os médicos a interpretar todas as informações recolhidas.

A Apple também está utilizando a mesma abordagem com o acessório ResearchKit, uma plataforma de software para testes clínicos que tem como diferença os aplicativos disponíveis para qualquer pessoa que tenha um iPhone.

Essa não é a primeira vez que o Google X desenvolve projetos para a medicina. Em 2014, a empresa afirmou que o laboratório Google X estava desenvolvendo lentes de contato para monitorar o nível de glicose de pacientes com diabetes. No começo do ano, o Google X também anunciou uma parceria com empresas farmacêuticas para atuar em pesquisa da esclerose múltipla.



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.