home notícias Tecnologias
Voltar Voltar
30/05/12
Mercado de mHealth deve chegar a US$ 23 bi em 2017
Entidade que representa operadoras de telefonia móvel de todo o mundo divulgou relatório apontando que o investimento na área de saúde tem crescido
Da redação

Um relatório da GSMA mostra que as empresas de telefonia móvel tem cada vez mais direcionado um valor significativo dos seus investimentos para o setor de saúde. A entidade representa as operadoras de telefonia de todo o mundo.



"Ao longo dos últimos anos, temos visto as operadoras de telefonia móvel oferecer soluções completas em saúde, que normalmente têm sido fornecidas pelo integrador de sistemas tradicional, mas há claras evidências que comprovam o papel emergente das operadoras em eHealth", disse Chris Locke, diretor do Fundo de Desenvolvimento da GSMA.



O setor da saúde está passando por uma mudança fundamental, já que a demanda de pacientes por serviços fora dos centros de saúde tradicionais, como, por exemplo, hospitais e clínicas, está aumentando. Isso, por sua vez, está levando ao aumento da demanda por serviços da mHealth, com o mercado de mHealth estimado em US$ 23 bilhões em 2017.



Apesar do setor mHealth continuar a se desenvolver, não houve uma catalogação abrangente da implantação de serviços globais mHealth. Para resolver isso, nos últimos nove meses, a GSMA monitorou e analisou produtos e serviços mHealth e criou a GSMA mHealth Tracker.



A GSMA representa os interesses das operadoras de telefonia móvel em todo o mundo. Abrangendo mais de 220 países, a GSMA reúne aproximadamente 800 operadoras de telefonia móvel do planeta, além de mais de 200 empresas no ecossistema mais amplo de telefonia móvel, incluindo fabricantes de aparelhos telefônicos, empresas de software, fornecedores de equipamentos, empresas de Internet e organizações de mídia e entretenimento.



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.