home notícias Tecnologias
Voltar Voltar
03/12/14
Prontuário eletrônico é destaque em congresso de tecnologia
Tecnologia pioneira de certificação digital foi implantada na rede pública de saúde de Vitória, no Espírito Santo, agilizando o atendimento à população
Da redação

A experiência de integração de sistemas para implantação de certificação digital envolvendo prontuários eletrônicos na Prefeitura de Vitória, no Espírito Santo, será um dos destaques do XIV Congresso Brasileiro de Informática em Saúde (CBIS), realizado em Santos, entre 7 e 10 de dezembro. Os resultados do projeto são tema de um artigo científico que será apresentado durante o evento. O CBIS, promovido pela Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) é voltado para especialistas em TI, estudantes e gestores públicos e privados e interessados no estado da arte das tecnologias aplicadas à saúde.

O sistema de certificação digital BRy KMS, implantado no órgão, permite a assinatura digital em todos os processos do prontuário eletrônico no atendimento à saúde da população, eliminando o uso de papel e gerando economia de recursos ao município, além de garantir a validade jurídica dos documentos. A tecnologia faz parte da Rede Bem Estar (RBE), que integra os diferentes estabelecimentos de saúde do município e profissionais como médicos, psicólogos, dentistas e enfermeiros.

Por meio do prontuário eletrônico, as informações dos pacientes são armazenadas em um único sistema e compartilhadas de forma virtual entre todas as unidades de saúde. A implantação da certificação digital superou alguns entraves, como a utilização de tokens físicos para assinar documentos eletronicamente. Na Prefeitura de Vitória, cada profissional de saúde possui certificação digital própria armazenada em servidor seguro (HSM) na nuvem privada da rede de saúde, evitando prejuízos ao atendimento caso não estivesse com o dispositivo em mãos. O certificado digital fica acessível a partir de qualquer dispositivo com acesso à intranet.

Já são mais de 800 servidores efetivos com certificação digital na Rede Bem Estar. Segundo Paulo César Barbosa Fernandes, analista em TI da prefeitura, o objetivo é levar a tecnologia a 1.800 funcionários até o final deste ano. “Obtivemos um ganho gigantesco com a migração para o BRy KMS. Acabamos com problemas de compatibilidade dos tokens e aceleramos os procedimentos de assinatura digital de forma impressionante”, observa. Com isso, o trabalho dos profissionais da saúde foi facilitado, em obediência às normas técnicas de segurança do Conselho Federal de Medicina. 

“Nós conseguimos minimizar a necessidade dos usuários serem treinados para acessar o sistema de certificação, fazendo com que coubesse à equipe de TI tratar dos detalhes técnicos envolvidos. O resultado principal foi uma maior agilidade no atendimento aos munícipes”, conclui Jeandré Monteiro Sutil, diretor técnico da BRy, e Florianópolis (SC). 

No congresso, o artigo será apresentado pelo corpo técnico da área da saúde e de tecnologia da Prefeitura de Vitória. 



PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades do Diagnosticoweb em seu e-mail

agenda

facebook

© Copyright 2012, Diagnósticoweb . Todos os direitos reservados.